in

Pebbles, o cão mais velho do mundo morreu com 22 anos

Pebbles, o cão mais velho do mundo, morreu aos 22 anos no sudeste dos Estados Unidos.

A notícia foi anunciada esta quarta-feira pelo Guinness World Records .

A cadela nasceu a 28 de março de 2000 em Long Island, no estado de Nova York e viveu a maior parte da sua vida na Carolina do Sul.

A pequena fêmea deu à luz 32 filhotes no total.

A cadela, de raça toy fox terrier terá sido alimentada com ração de gato pelos seus donos desde 2012.

Os donos acreditam que a alimentação pode ter contribuído para a sua longevidade.

“Pebbles, o cão mais velho do mundo, infelizmente faleceu naturalmente e pacificamente em casa e cercada por sua família”, escreveram os seus donos no Instagram.

Atletas vão viver aventura extrema ao atravessar Atlântico a remo

Terão sido as famosas Bolachas Maria um “fiasco” ao longo destes anos? A Deco responde