in

Terão sido as famosas Bolachas Maria um “fiasco” ao longo destes anos? A Deco responde

Será que as bolachas maria são inofensivas? A Deco Proteste realizou um teste e deixou um alerta sobre as bolachas que entraram na casa dos portugueses há muitos anos.

A DECO Proteste realizou um teste a 23 marcas de bolacha maria e cruzou os valores declarados no rótulo com o algoritmo do Nutri-Score (entre A e E) para deliberar sobre a composição nutricional das bolachas maria.

“As amostras que chumbaram em tal critério viram a Qualidade Global limitada a esta avaliação”, esclarece a associação.

“Mais de um terço das amostras chumbou. Justificação: valores substantivos de açúcar e irrisórios de fibra. Nas gorduras saturadas, o óleo de palma estraga a pintura. Na bolacha maria sem açúcar, o A e o B do Nutri-Score reinam”, adianta.

“Verifique se as bolachas contêm ingredientes com recomendada moderação no consumo, como a gordura de palma, rica em ácidos gordos saturados. Opte por bolachas sem este tipo de gordura”, recomenda a DECO Proteste.

“A nutrição tropeça na grande quantidade de açúcar e na falta de fibra”, adverte. “Procure a declaração nutricional, obrigatória no rótulo da maioria dos alimentos. Confira os teores em lípidos (entre os quais, os saturados), açúcares e sal. Quanto mais baixos, melhor. Compare os valores nutricionais dos produtos por 100 gramas”, acrescenta.

O simulador da DECO PROTESTE classifica como toleráveis a maioria dos aditivos da lista de ingredientes dos produtos testados. Porém, três marcas contêm E 150d (caramelo de sulfito de amónio), corante enganador e a evitar: as Cuetara e P’tit Deli (originais) e a Vieira, sem açúcar.

“O E 150d pode conter um composto, 4-MI (4-metilimidazol), classificado como possivelmente cancerígeno pela Agência Internacional para a Investigação do Cancro (IARC). Já a Autoridade Europeia para a Segurança dos Alimentos (EFSA) concluiu que as estimativas de exposição à impureza 4-MI, resultante do consumo de caramelos como aditivos alimentares, não preocupam. Ainda assim, o E 150d deve ser evitado por quem não tolera sulfitos. Verificou-se ainda que poucas são as bolachas sem aromas”, explica a DECO Proteste.

Pebbles, o cão mais velho do mundo morreu com 22 anos

Portugal eleito Melhor Destino Turístico da Europa. É a 5.ª vez em seis anos